COMO SURGIU O CEEJA  

 

A  EJA (Educação de Jovens e Adultos) surge a partir da década de 1940, com  campanhas para combater o analfabetismo e a recuperação das grandes massas da população que viviam praticamente à margem da vida nacional. Era necessário educar o adulto para que o país pudesse ser mais homogêneo, mais coeso e solidário. Entre as iniciativas para a EJA, datam da década de 70  o funcionamento dos primeiros CES - Centro de Estudos Supletivos que tiveram importante papel na Educação de Jovens e Adultos por causa da sua estrutura mais flexível, possível de ser acessada por uma grande parcela da população trabalhadora que não tinha tempo para frequentar uma escolarização regular.

A partir de 1988, com a Constituição Federal e a garantia do Ensino Fundamental obrigatório e gratuito, mesmo para aqueles que não tiveram acesso na idade própria, o ensino supletivo começou a conquistar a sua devida importância. Em 1996, com a LDB 9394/96, é assegurado o direito a oportunidades educacionais apropriadas aos jovens e adultos.

 

FELIZ DIA DOS PROFESSORES